• 0

    Frete grátis a partir de R$ 110

Em estoque

Luz dos Monstros - Paulo Scott (Ilustração de Fabio Zimbres para Editora Aboio)

R$ 54,90

Em estoque

Luz dos Monstros provoca novas maneiras de nos lermos. Paulo Scott, um dos nomes mais originais da literatura brasileira, reúne poemas que expressam sua própria perplexidade diante de um mundo esgotado, marcado por rupturas e isolamentos, guiado pela frieza das máquinas e suas luzes cegantes.

Conheça mais do livro lendo 5 poemas no nosso portal!

Caso tenha problemas para comprar pelo nosso site, peça para tua livraria favorita entrar em contato com a gente, ou procure pelos nossos livros na Amazon.

REF 9786599835025 Categorias , Tags , , , , ,

SOBRE

Paulo Scott, um dos nomes mais originais da literatura brasileira, reúne poemas que expressam sua própria perplexidade diante de um mundo esgotado, marcado por rupturas e isolamentos, guiado pela frieza das máquinas e suas luzes cegantes.

CAPA

A capa de Luz dos Monstros é assinada pelo artista Fabio Zimbres.

A dicotomia preto-branco representa o jogo linguístico dos poemas aqui presentes. Para o autor, “o uso do branco carrega a intenção da luz capturando o que não está pronto para ele, pronto para sua explosão, para a nova realidade, a nova linguagem que impõe”.

O título, ao mesclar-se com a ilustração, carrega o não revelar por completo, reforçando “a dúvida que invasão alguma vencerá”.

Nessa linha, o preto serve como fronteira, subjetividade e dança. “A dança-caos que só a leitura da poesia consegue provocar”, afirma Paulo Scott.

COLEÇÃO SARGAÇO

Sargaço é uma alga marinha escura que invade súbita e inesperadamente as praias latino-americanas. De um dia para o outro, a areia da praia acorda manchada, melancólica. Quando transbordam, só o tempo devolve os sargaços para as águas.

Luz dos Monstros integra a nossa Coleção Sargaço.

Tratando de temas sensíveis, a Coleção Sargaço trará títulos com uma proposta mais intimista, livros com discursos sobre isolamento, paranoia, tristeza e luto.

POEMAS

penso em você
cada vez que penso
que preciso reaprender
a respirar (e ter costume)

encaro a floresta
a fricção das árvores

o que talvez ainda esteja
na fricção das árvores
a transformar o som
de um mundo à noite
que já não me chega em luz

o ódio veste outro rosto
a casa não chega

o incêndio lava a colheita
e o céu descansa
sobre jovens pedindo
para não morrer

madre-gincana-justiça
balança e dança sua pele pedra

Cristo empina a motoca
e acelera

do céu, os pássaros fogem
(em sua eterna pré-história)

restauram-se
hipnotizados

ardem
lúcifer enquanto podem

“created_at”: “Sat Apr 25 09:18:16 +0000 2020”,
“favorited” : false,
“full_text” : o mar eletrônico ronca \ suas respostas ao roncar \ dos recifes deste quarto \ que são a balsa, as paredes e as garrafas de vinho vazias \ que arremessamos nas apinajés \\ miniatura que é o talvez \ (pelo gesso do viver) \ chegada de cada manhã \ este sonho-invólucro, duplo \ você e o seu inexplicável(quase decifrável) sorriso

Peso 0500 g
Dimensões 14 × 1 × 21 cm
Capa

Fabio Zimbres

Páginas

160

Formato

14x21cm

Papel

Pólen® natural 80g/m²

Gênero

Poesia

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Luz dos Monstros – Paulo Scott”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DIAS :
HORAS :
MINUTOS :
SEGUNDOS

— pré-venda no ar! —

Literatura nórdica
10% Off